10 Dicas para iniciantes em Ponto Cruz

Categories: Dicas e Ferramentas, Iniciantes no Ponto Cruz

Quer aprender ou melhorar seu ponto de cruz  e se tornar um profissional ainda melhor? Dê uma olhada nesta lista e veja se você segue todas essas dicas e truques durante seu projeto de Ponto Cruz! Separei alguns vídeos de costureiros e artesãos experientes que utilizam, na prática, essas dicas que vou passar! Você não terá apenas um produto melhor acabado, mas também, se apaixonará ainda mais por este artesanato viciante!

1. Limpe bem as mãos

lavar as mãos

Esta dica parece senso comum, mas lavar as mãos antes de tocar no tecido ou na linha, mesmo que você vá lavar a sua peça quando ela estiver pronta de qualquer maneira, ajuda a não deixar a linha e o tecido ainda mais sujo. Se você estiver usando linha ou tecido tingido à mão, é sempre uma boa ideia fazer a pré-lavagem do tecido antes de começar a bordar. Isso ajuda a remover qualquer corante solto que possa manchar a linha do seu projeto mais tarde.


2. Usar o Arremate de Argola ou o Método de Loop

arremate de argola

Use o arremate de argola para iniciar o trabalho se você for usar um número par de fios no bordado. Neste post, você pode ver o passo a passo de como fazer o arremate de argola.


3. O Comprimento da linha de bordado

Se o bordado é grande ou você não sabe que tamanho usar, meça os fios usando o comprimento das pontas dos dedos até o cotovelo. Entretanto, se você for usar o método de Argola descrito acima, use o dobro desse tamanho. Este comprimento é ideal pois permite que você arremate tranquilamente ao fim de um bordado pequeno.


4. Proteja as bordas do seu tecido

É bem importante proteger as bordas do seu tecido se você está usando etamine para seu projeto. O ideal é que se overloque a barra do tecido. Caso não tenha acesso a uma máquina de costura, existem alternativas igualmente rápidas e baratas para evitar que seu trabalho seja perdido por conta do desfiamento do pano. O ponto atrás ou ponto em zigue-zague, a cola de tecido e a fita crepe são as técnicas mais utilizadas para ajudar a impedir que suas bordas do seu tecido fiquem desgastadas enquanto você trabalha no seu projeto. Aqui você pode ver mais detalhes de como usar estas técnicas.


5. Desvire sua agulha

Conforme você trabalha, você percebe que a linha vai se embolando cada vez mais. Logo, desenrole sua linha de vez em quando. Largue a agulha e deixe o fio soltar e distorcer a agulha. A maioria das pessoas naturalmente e inconscientemente giram a agulha levemente em cada ponto. Isto faz com que as linhas comecem a torcer lentamente. Você também pode usar técnicas como a Técnica do Trilho (railroading) para manter a linha paralela e arrumada. Mas lembrar de desenrolar a agulha a cada poucos pontos funciona da mesma maneira. Se a linha estiver torcida, ela pode criar uma textura estranha nos pontos e o tecido irá aparecer mais entre os pontos.


6. Método Pingado

Por mais que você conte, conte novamente e depois verifique a sua contagem, sempre acontece de se esquecer um ponto e o desenho acabar torto. O método pingado é uma técnica que ajuda e facilita a contagem dos gráficos. Aqui você encontra mais detalhes e como fazer a técnica passo a passo.


7. Método Grade

Para peças maiores, a grade é uma técnica que economizará horas (e sua sanidade). Para ela, você pode utilizar ou um marcador de tecido ou uma lapiseira/lápis e régua. Mas deve-se ter cuidado ao marcar com grafite, pois se marcado muito forte, não sai completamente mesmo após a lavagem. Mas, se você preferir ter um método à prova de falhas para marcar o tecido, você pode usar linha de pesca ou nylon colorido para a marcação. Nesta técnica, se enfia em alguns pontos o nylon por toda a extensão do tecido. Horizontalmente e verticalmente, de 10 em 10 pontos. O que resulta em um quadriculado base de fácil remoção. Havendo a possibilidade até mesmo de reutilizar a linha de pesca.


8. Use um Bastidor

Você pode segurar o tecido com as mãos e bordar usando o método de costura tradicional. O que muitos costureiros preferem. Mas você pode também experimentar uma armação para costura, chamada de bastidor. Existem várias opções e formas de bastidores. Algumas, infelizmente, não muito comuns no Brasil. Mas, para quem faz compras no exterior, há até mesmo opções de bastidores com pés.


9.Use o tecido mais adequado

tecidos ponto cruz

Existem vários tecidos que podem ser usados para bordar o Ponto Cruz, o mais utilizado é o etamine, mas basta o tecido possuir uma trama que dê para contar os pontos, que você consegue fazer o ponto cruz. Mas, dependendo do tipo de trabalho que se deseja realizar, alguns tecidos podem ficar ainda melhores que outros.

O etamine pode ter de 4 a 5 pontos por centímetro e há também o de 6 ou 7 pontos que pode ser encontrado pelo nome de microetamine. Existem opções de cores e texturas mescladas que podem ser usadas para deixar o trabalho ainda mais bonito.

Muitos artesãos utilizam o Linho fazendo a trama de 2 em 2 pontos, o que deixaria 5 pontos por centímetro. Pelos pontos serem bem pequenos, o trabalho fica muito bem acabado e, dessa forma, pode-se fazer esquemas (desenhos) grandes em peças menores de tecido.

Há também o Cânhamo que é muito utilizado porque sua trama é bem firme, ele também possui 5 pontos por centímetro e é bem mais transparente que o Linho.

Abaixo há um vídeo explicativo da artesã Thays Hausen que explica e compara os tecidos que ela mais usa para o Ponto Cruz:


10. Relaxe!

relaxar ponto cruz
relaxar ponto cruz

Não se esqueça de se divertir e relaxar! O ponto de cruz é extremamente benéfico para a sua saúde mental e física – você pode ver um artigo aqui sobre os benefícios que o bordado pode proporcionar à sua saúde mental. Portanto, se você não está conseguindo bordar direito hoje, está errando muito e começando a ficar irritado, guarde-o por um dia ou mais e depois volte à ao trabalho com mais calma.

Você pode também se juntar a algum grupo on-line para falar sobre ponto cruz, existem vários grupos de artesanato no Facebook e Twitter para que você possa trocar experiências!


Trabalhamos com carinho a fim de disponibilizar gráficos gratuitos com alta qualidade. Ao bordar com ponto cruz podemos decorar não só almofadas, toalhas de mesa, panos de prato, como também enxovais de bebês, cartões, chaveiros e o que mais a nossa imaginação permitir. Bordar é não só uma arte como também uma terapia para todas as idades! Nosso site bordadopontocruz.com foi criado com o intuito de compartilhar gráficos em ponto cruz com os mais diversos temas!

Divirta-se e encontre gráficos através da nossa busca ou arquivo ou categorias. Ainda assim não encontrou o que queria ou tem ideias de outros temas? Deixe um comentário e assim que possível, postaremos novos esquemas de Ponto Cruz com o tema.

Bom bordado a todos!

Deixe um comentário:

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.